como-criar-um-blog-profissional-tudo-que-voce-precisa-saber

Como criar um blog profissional e tudo que você precisa saber, é o que vou compartilhar neste artigo.

A criação de um blog vai muito além de, apenas escolher a plataforma e o domínio que serão utilizados.

Esses, é claro, são essenciais também, porém não é só isso para que você tenha um blog profissional.

Neste artigo, você ficará sabendo, em detalhes, o que é preciso para começar um blog e o que  fazer para que seu blog cresça na internet e faça com que você ganhe dinheiro com ele.

Todos os tópicos abordados aqui são de extrema importância. Portanto, peço que leia o artigo até o final. Ok?

Então, vamos começar?

Preciso começar falando sobre um tópico muito importante. Se não o mais importante de todos!

Conteúdo do Artigo

SEO (Search Engine Optimization)

Com certeza você já ouviu esse termo antes. E o que é SEO?

SEO são técnicas de otimização para sites e blogs. Dessas técnicas depende o sucesso do seu blog profissional.

O nome pode ser complicado,porém as técnicas são simples e muito eficientes para que seus conteúdos sejam

encontrados pelos mecanismos de busca do Google e do YouTube.

De nada vai adiantar você criar um site profissional ou criar um blog profissional, escrever seus conteúdos

valiosos e relevantes, e eles ficarem escondidos porque você não otimizou para que eles aparecessem na internet.

Isso eu diria que é muito frustrante! Portanto, a primeira coisa que você precisa aprender é aplicar técnicas de

SEO para seu blog.

E não se desespere, porque é mais fácil e eficiente do que você possa imaginar. Aprenda SEO de forma

didática e descomplicada.

>>Leia mais sobre Técnicas de SEO>>

Bússola do SEO- Seu Site na Primeira Página do Google e no Tráfego Orgânico

 

SEO para Blog- 11 Técnicas para Otimizar seu Blog

 

SEO para Blogs Iniciantes- 15 Dicas para Estruturar seu Post

 

1 – O Que é um Blog e Como Funciona

Então vamos lá para o início: o que é blog? Qual o conceito de blog? Como eles surgiram?

Muito se fala em blog, porém poucos conhecem a sua história.

A princípio, os blogs não eram vistos como fonte de renda, para divulgação de produtos, nada disso.

Eram utilizados somente para fins pessoais mesmo.

O blog servia para que as pessoas escrevessem sobre suas atividades diárias, sua vida pessoal. Algo que fosse interessante para os amigos, família e pessoas próximas.

Blog, nada mais é do que um diário, porém online. Feito para que todos possam ver e ler.

É o seu diário na internet.

Isto é, pessoas compartilham suas experiências pessoais e empresas compartilham soluções para

atender seu público da melhor forma possível. Através dos produtos e serviços que as mesmas oferecem.

Quando Surgiu o Blog

O primeiro blog surgiu em 1997 nos EUA. Foi desenvolvido um sistema onde as pessoas pudessem escrever na internet, sobre tudo o que achassem interessante.

E essa atividade, a princípio, foi nomeada “weblog”. A junção de duas palavras inglesas :web e log

Passou a ser chamado de weblog, que se pode traduzir: “diário da rede”

Posteriormente passou a ser chamado apenas de blog.

E a internet ainda estava “engatinhando”.

Porém, foi só em 1999 que o blog virou “febre”. E com o tempo, as plataformas ficaram mais completas e “blogar” se tornou uma atitude respeitada.

Uma das primeiras empresas de publicação de blogs foi o Blogger. Que hoje pertence ao Google.

E como o blog ficou bastante popular, surgiram palavras derivadas como:

  • Blogueiro: que é o dono do blog;
  • Blogar: que é a função de escrever e compartilhar o post.

Saber como criar um blog profissional, é essencial para o sucesso do seu negócio.

Em algum momento da sua jornada, você já começou a criar um blog, porém não concluiu?

2 – Por Que Criar um Blog

Essa é uma dúvida muito comum entre empreendedores de várias áreas de atuação.

Por que preciso ter um blog? No que isso vai me ajudar?

Pois bem: se você é empreendedor e pretende alcançar diversas pessoas  para que conheçam seu trabalho, seus produtos ou serviços, o blog vai te ajudar muito nesse quesito.

Seu negócio aumentará a visibilidade através de divulgações. Quanto mais o seu blog for divulgado e

encontrado, mais pessoas irão conhecer e se interessar pelos seus serviços.

Consequentemente seu negócio tende a se expandir.

Um blog fará com que você gere autoridade e credibilidade. E consequentemente vai te ajudar a vender mais

os produtos e serviços que você divulga.

Porém, não comece seu blog pensando apenas no dinheiro que poderá ganhar com ele. A não ser que seja especificamente um blog de produtos físicos.

Se concentre na qualidade de seus conteúdos e a monetização será consequência.

Ainda assim, seus conteúdos ajudarão a solucionar dúvidas e problemas da sua audiência.

3 – O Que é Preciso Saber Antes de Criar um Blog Profissional

  • Tempo Disponível

Criar um blog não é pura e simplesmente escolher o assunto, a plataforma, o domínio, etc, e pronto.

Você precisa ter em mente que a criação e otimização de um blog, demanda muito tempo.

Tempo disponível para que este blog tenha, de fato, sucesso. E mais do que sucesso, que ele seja um blog

realmente voltado a informar, entreter, solucionar dúvidas, enfim, baseado no assunto que você escolheu para abordar.

Principalmente no início, sua dedicação precisa ser total para que seus artigos sejam bem elaborados.

Não que isto não seja necessário sempre. Porém, o começo de um blog é sempre mais trabalhoso e vai te custar bastante tempo.

E principalmente, se o seu interesse futuro é monetizar o seu blog, é essencial começar o quanto antes.

Blogs são rentáveis sim, porém, a médio e longo prazo.

  • Para Quem Você está Escrevendo

Certamente isso precisa estar muito claro em sua mente antes mesmo de começar. O assunto abordado no seu blog será direcionado para quem? Para que público? Que tipo de público se interessaria por seus posts?

De fato, de nada vai adiantar você escrever para “ninguém”. Ou seja, sem um público definido.

Em um blog de viagem, por exemplo, você sabe que o público principal são pessoas que gostam de life style, procuram por destinos variados e diferentes para conhecer, enfim.

É um público que você já sabe do que gosta e o que procura. Assim, você já começa a escrever artigos destinados a essas pessoas, na certeza de que elas se interessam pelo assunto.

Artigos que informam destinos de viagem que estão em alta, como e onde se hospedar sem gastar muito, indicar hotéis ou pousadas mais badaladas ou mais tranquilas, enfim.

São inúmeras as informações referentes a esse assunto, que você vai abordar.

  • Assuntos Novos e Variados

Dependendo do assunto do blog, você poderá variar os conteúdos para que não fique repetitivo e desinteressante para os leitores.

Portanto, esteja sempre atualizando os assuntos e trazendo informações baseadas em pesquisa.

Isso gera muita credibilidade para o seu blog.

Na internet, as informações mudam a velocidade da luz. Fique atento para que seus conteúdos não fiquem ultrapassados demais, com informações que já não condizem com a atualidade.

  • Não “tropece” na Língua Portuguesa

Com toda certeza, todos nós já nos deparamos com algum erro de português em algum texto que estávamos lendo, não é mesmo?

Principalmente agora com as novas regras de gramática do nosso idioma, isso se tornou mais comum.

Porém, existem meios para que você evite esse problema.

Antes de publicar seus artigos, procure escrever usando um editor de texto, como o Word.

Ao passo que vai escrevendo, o editor corrige a gramática.

Facilitando assim, para que você evite ao máximo os erros. Não é nada agradável e não passa credibilidade, ler um texto repleto de erros gramaticais.

Todos sabemos que nossa Língua Portuguesa é muito complexa e repleta de regras. O mínimo de equívocos é até aceitável, porém não se apegue nisso. Procure escrever seus artigos corretamente e respeitando a gramática.

Criar um blog profissional requer muitos detalhes. E a gramática é um tópico de extrema importância.

  • Não seja o Mais do Mesmo (Assuntos Diferentes da Maioria)

O que mais encontramos na internet são vários blogs que abordam os mesmos assuntos, os mesmos conteúdos.

E isso é perfeitamente normal. Afinal, várias pessoas tem interesse por assuntos em comum.

Ainda assim, não impede que você também escreva sobre aquele assunto. Desde que você procure se diferenciar

dos demais.

Procure abordar o assunto de formas diferentes. Saindo do “igual”, digamos assim.

Pesquise antes de escrever o artigo e procure fazer com que fique diferente dos demais.

Use uma linguagem diferente, porém dentro do contexto.

Faça com que o artigo fique o mais parecido, possível, com você, com a sua personalidade.

Claro que, dependendo do assunto abordado você não poderá usar uma linguagem informal, porém

se este não for o caso, deixe seus artigos e seu blog com a “sua cara”.

Explore sua personalidade. Isso é autenticidade!

  • É Preciso Investir Dinheiro

Acima de tudo, isso precisa estar muito claro para você. É preciso sim investir dinheiro para criar um blog profissional.

A criação de um blog profissional requer hospedagem, domínio, e isso gera gastos. Pouco, mas gera.

Vamos falar sobre valores mais adiante.

Claro que você pode optar por começar com um blog profissional, porém, gratuito. Sim, é perfeitamente

possível otimizar e deixar bem posicionado um blog feito numa plataforma gratuita como Blogger, por exemplo.

Em contrapartida, demora um pouco mais para que seus conteúdos fiquem bem posicionados no Google.

Porém, o fato de ser um blog gratuito, não impede que isso ocorra.

Certamente as formas de otimização são diferentes, porém testadas e comprovadas. (Leia artigo abaixo)

Crie seu Blog Gratuito e Otimizado Utilizando o Blogger

4 – Escolha o Segmento do Blog Profissional (Assunto)

Provavelmente esta seja uma das partes mais importantes e decisivas na criação de um blog profissional:

a escolha do segmento.

Primeiramente você precisa entender que um blog não se constrói com “modismos”.

Ou seja, não é porque o segmento no nicho de emagrecimento, está em alta que você vai começar o seu blog

por este nicho.

É preciso ponderar e pensar.

Ainda falando do nicho de emagrecimento: você gosta desse assunto? Tem afinidade com ele? Faz dieta? Já passou pelo problema da obesidade para poder falar com propriedade sobre este assunto?

Você é profissional na área da saúde? Pois para abordar esse tipo de assunto é preciso que você seja da área.

Principalmente porque estará entrando num assunto que requer muita capacidade para falar dele.

Se faça essas e outras perguntas relacionadas ao nicho em que você deseja atuar.

Não saia falando sobre o que você não gosta ou não sabe, pura e simplesmente por que a maioria está falando disso.

Esse é um erro muito comum e fará com que você desista do seu blog uma vez que, seus conteúdos não ficarão bons.

Bons no sentido de você não colocar todo o seu entusiasmo para escrevê-los.

Uma vez que não é o assunto que você gosta e sim o assunto que todos estão falando. Percebeu a diferença?

Ao mesmo tempo que também é preciso que seja feita uma pesquisa de mercado para saber se o assunto que você quer abordar, tem procura.

Ou então, você vai escrever no seu blog para “ninguém”.

Leia no artigo abaixo, algumas dicas que irão te ajudar, com certeza.

 

Começar do Zero no Marketing Digital – A Forma Correta em 7 Passos 

 

5 – A Escolha da Plataforma – Blogger ou WordPress

Inegavelmente esta é uma dúvida frequente na hora de criar um blog profissional.

Como criar um blog profissional? Onde criar? Iniciar com uma plataforma paga ou gratuita?

Há que diga que um blog hospedado em uma plataforma gratuita não consegue a mesma relevância, perante o Google, da mesma forma que um blog na plataforma paga consegue. Será?

Vamos conhecer um pouquinho de cada uma delas primeiro.

Blog Profissional com Blogger

Entretanto, na minha humilde opinião a melhor plataforma gratuita é o Blogger. Por que?

O Blogger é a plataformas de blogs gratuitos do Google. Isso faz com que ele já traga a relevância do Google com ele.

O que não quer dizer que só pelo fato de ser do Google, será mais fácil ranquear os artigos. Não é isso que estou falando. Pelo contrário.

Para que um artigo fique bem posicionado, é preciso que seja bem otimizado. Mas, voltando…

O Blogger é a plataforma mais usadas pelos iniciantes na produção de conteúdos. Acredito que pela praticidade.

Em cada conta do Google, você pode criar até 100 blogs.

Com um blog criado no Blogger, a extensão do seu domínio será www.seublog.blogspot.com

Vantagens do Blogger

São inúmeras as vantagens de se criar um blog no Blogger. Uma delas é que você cria um blog em pouquíssimo tempo e servidor e domínios são incluídos. E 100% gratuito.

A plataforma disponibiliza inúmeros templates para que você escolha o mais adequado ao seu negócio.

Além disso, você pode optar por trocar de template quando achar conveniente sem que isso interfira no layout do seu blog como um todo.

Ou seja, sem desconfigurar o blog.

Quem compra o domínio separadamente precisa configurar o DNS para que o blog possa ser exibido.

Ao contrário do Blogger que são juntos, facilitando para quem está começando e ainda não tem muita afinidade com a criação de um blog.

Além disso, também poderá ser inserido no blog o Google Analytics. 

Que é um serviço gratuito do Google para que você tenha acesso as informações dos visitantes no seu blog.

Analise métricas, veja de onde está vindo seu tráfego e muitas outras informações muito importantes sobre o tráfego no seu blog.

Ou seja, você acompanha as estatísticas do seu blog em tempo real.

Também integra os serviços do Google AdSense para exibição de anúncios em seu site e a monetizar com ele.

Desvantagens do Blogger

Porém, uma prática, por parte de pessoas nada sérias, deixou o blogger um pouco “manchado” aos olhos dos usuários.

Ainda mais por ser um blog 100% gratuito e muito fácil de configurar, acabou sendo utilizado para criação de sites que o utilizavam somente para fazer SPAM e disseminar conteúdos irrelevantes e mentirosos na internet.

E isso acabou tirando um pouco da credibilidade de sites blogspot.com.

Entretanto essa prática já diminuiu bastante e os blogs com a extensão blogspot.com, voltaram a ser vistos com bons olhos novamente.

A prova está no treinamento Blogger Expert.

 

Aprenda como iniciar um blog gratuito no Blogger, totalmente do zero, acessando o Blogger Expert.

Blog Profissional com WordPress

Como criar um blog profissional na plataforma WordPress? É mais vantajoso por ser pago?

Vamos às vantagens e desvantagens da plataforma WordPress.

Pode-se dizer que atualmente a plataforma WordPress é líder na preferência dos que estão com a intenção de criar um blog profissional.

O WordPress é o sistema de gerenciamento de conteúdo mais popular do mundo.

É uma plataforma bem interativa e o próprio dono do blog/site publica e edita seus conteúdos sem que precise entender de programação.

Certamente com algumas aulas online, você mesmo consegue configurar um blog WordPress sem maiores complicações.

Vantagens do WordPress

Assim como no Blogger, o WordPress também disponibiliza uma variedade de templates gratuitos.

Porém, você pode optar por comprar um. O template é o “esqueleto” do seu blog.

É através dele que você cria suas páginas, insere imagens, ou seja, configura seu blog.

 

Com um template pago e responsivo você tem mais opções de customizações para seu blog.

Igualmente , você também tem a vantagem de instalar plugins no seu blog. Os plugins são ferramentas que modificam ou acrescentam na estrutura do seu blog.

Existem vários tipos de plugins. Entre eles, os pagos e gratuitos.

Um dos plugins mais utilizados é o Yoast SEO. Ele te dá informações de otimização em tempo real. Ou seja, enquanto você escreve seus artigos.

Com isso, é possível melhorar a otimização do artigo para que seja mais facilmente encontrado pelos mecanismos de busca do Google.

Url´s amigáveis também garantem um melhor desempenho do seu blog. Com um blog WordPress é possível instalar um plugin que personalize sua url de acordo com o nome do seu domínio.

Gerando mais confiança, por parte do usuário, na hora da decisão de clicar na sua url ou não.

Desvantagens do WordPress

Uma das desvantagens é a instalação de muitos plugins. Isso faz com que o blog comece a ficar ineficiente. A ficar mais lento.

Recomendo que seja instalados somente os necessários.

Outra “desvantagem”, por assim dizer, é que o WordPress tem constantes atualizações. E se você criar seu blog ou site e esquecer dele por um tempo, ficará desatualizado e isso é um prato cheio para hackers.

Portanto, crie senhas mais seguras e mantenha seu blog WordPress sempre atualizado.

6 – Escolha o Nome do Domínio Antes de Criar o Blog

Igualmente aos itens anteriores, a escolha do domínio é de extrema importância.

Escolher o nome do domínio do seu blog profissional, antes de criá-lo, evitará problemas futuros.

Uma vez registrado o domínio, é impossível que se faça alterações.

Portanto, pense muito bem e relacione o nome do seu domínio ao nicho escolhido para atuar em seu blog. Assim, ficará claro para os usuários o assunto que você trata em seu blog.

7 – Encontre um Nome Relacionado para o Domínio

Anteriormente já dissemos que o nome do seu domínio é muito importante. Mais do que um simples nome, ele precisa remeter ao assunto que será abordado em seu blog.

Procure escolher um nome que dê “ganchos” para ouros assuntos relacionados ao assunto principal apenas se o assunto for mais amplo, mais aberto. Como:

A exemplo do meu blog, www.suarendaemcasa.com.br, o assunto principal é Marketing Digital.

Porém, quando se fala em suarendaemcasa, remete a várias formas de trabalhar em casa e não somente ao Marketing Digital.

Pode ser trabalhar com:

  • Marketing Digital,
  • Fazer doces para vender;
  • Trabalhar com importação;
  • Revender qualquer tipo de produto;
  • Formas de obter renda extra produzindo algo, etc.

Portanto, eu não posso abordar todos esses assuntos relacionados aqui neste blog, por que aqui eu falo especificamente sobre Marketing Digital.

Regra número 1: Não misture os assuntos no blog! Jamais!

Para que eu fale sobre esses outros nichos, eu preciso usar estratégias e canais de comunicação diferentes.

Sobretudo, se você for abordar um assunto mais específico para criar seu blog profissional, aí sim você pode optar por usar o seu próprio nome ou o nome exato do seu projeto e falar somente sobre aquele único assunto.

Exemplo:

Você escolheu o assunto Life Style, e vai falar sobre o seu estilo de vida, você pode registrar seu domínio como:

www.fulanadetal.com.br ou www.acompanheminhavida.com.br

Reforçando: seu estilo de vida será o único assunto do seu blog. Ok? 😉

8 – Hospedagem Compartilhada e VPS

Chegou a hora de hospedar o seu blog. Isso significa armazenar os arquivos do seu blog em um servidor conectado a internet para que todos possam acessar.

Hospedagem é muito importante na hora de criar um blog profissional.

Um servidor é um computador, porém, muito mais potente permitindo que muito mais pessoas acessem, ao mesmo tempo, os mesmos dados.

Existem vários tipos de hospedagem. Porém as mais comuns são a Compartilhada e a VPS (Servidor Virtual Privado).

Vamos conhecer um pouco sobre cada uma delas.

Hospedagem compartilhada é a mais utilizada. É conhecida como uma hospedagem barata, porém, eficiente e fácil de manusear.

Em questão de preços, existem várias empresas que oferecem esse serviço, onde o CMS (Sistema Gerenciador de Conteúdo) mais utilizado no mundo já vem pré instalado.

Assim, você já monta seu site facilmente.

Opte por uma hospedagem que te dê suporte. Principalmente para quem está começando e nunca criou um site na vida.

Neste caso eu indico e utilizo a Hostgator. O suporte deles é excelente, 24 horas por dias, 7 dias por semana.

O custo de um domínio pela Hostgator, por ano, é bem acessível. Com sorte, você consiga pegar alguma promoção onde o preço pode cair até pela metade.

Vale a pena consultar.  Os valores são anuais e o domínio é renovado anualmente.

No caso da hospedagem, eles tem vários planos. Neste caso é mais viável que você entre no site da Hostgator e consulte o que melhor se adapta ao seu momento.

Você pode optar por pagar mensal ou anualmente.

Hospedagem VPS (Servidor Virtual Privado)

Este tipo de hospedagem é recomendado  para aqueles cujo blog atingiu um volume de tráfego muito grande, para e-commerce e para quem hospeda muitos sites.

Este sistema tem um nível maior de complexidade operacional, portanto você precisará ter  mais conhecimento do servidor.

O que não é necessário no caso da hospedagem compartilhada.

9 – Como Configurar o Blog

Certamente o seu treinamento Fórmula Negócio Online 3.0,  já estará comprado quando você chegar nesta parte da criação do seu blog profissional. 🙂

A configuração de um blog profissional requer bastante atenção.

Entretanto, não é difícil, mesmo para quem nunca fez isso antes.

São inúmeros os detalhes e para que você possa executar essa tarefa sem maiores complicações, será necessário que você siga o passo a passo de alguém que já tenha experiência com isso.

Você precisará criar e configurar páginas, menus, sub menus, a aparência do seu blog, instalar e configurar plugins e muitas outras tarefas mais.

Além de, lógico, aplicar as técnicas de SEO para que seus conteúdos sejam encontrados na internet.

SEO são otimizações para os mecanismos de busca. (Search Engine Optimization)

São práticas que você faz para ajudar os mecanismos de busca do Google, a encontrar seu conteúdo de acordo

com a palavra-chave e outras práticas de otimização para sites e blog.

Entenda como aplicar SEO para seu blog ficar na primeira página do Google e no tráfego orgânico.

Todavia, não se assuste com esses termos tão novos para você. Apesar de parecer estranhos, é fácil configurar desde que você siga o passo a passo.

Primordialmente se o seu blog for criado na plataforma do WordPress.

10 – Um Template Responsivo é Essencial no Blog Profissional

O template é a aparência que o seu blog vai ter. É a “cara” do seu blog.

É ele o responsável pelo layout responsivo e, é claro, bonito.

Certamente, ninguém gosta de navegar em um blog feio, com o layout todo fora de alinhamento, imagens distorcidas e com partes do artigo faltantes e ilegíveis.

Sobretudo, é essencial que ao escolher o template que será usado no seu blog, é preciso algumas considerações.

A primeira e essencial delas, é ser responsivo.

E o que é isso?!

Responsivo significa que quando o usuário começar a navegar pelo seu site, ele precisa estar em ordem.

Sem estar com as frases fora do lugar, as imagens fora, e principalmente, quando for acessado de um smartphone ou tablet.

No computador, o layout também fica fora se o template não for responsivo.

Além disso, um template responsivo, atrai muito mais visitantes para o seu blog.

Um blog precisa, além de trazer conteúdos relevantes, ser bonito. Chamar a atenção das pessoas quando clicam e entram nele.

Um template responsivo e de alta conversão faz toda a diferença no seu blog profissional.

O termo “alta conversão” significa que o usuário, com certeza ficará mais tempo no seu blog acessando seus conteúdos e pode clicar em algum anúncio seu, pode comprar algum produto que você esteja oferecendo ali.

O termo conversão pode ser: em vendas, cliques, mais acessos, mais tempo dos usuários no seu blog, etc.

Qual Template Escolher?

O template que uso atualmente no meu blog é o Wolf WP que é voltado para conversões. E isso eu já consigo perceber no meu blog.

Mais acessos e muito mais cliques nos anúncios do Google AdSense, que exibo aqui.

Depois que instalei esse tema no meu blog,  já efetuei vendas por aqui também.

Portanto, na hora de optar por um template, avalie muito bem se tem suporte. Isso é primordial.

Principalmente, opte por um template que te ofereça tutoriais em vídeo aulas, te ensinando como configurar o template no seu blog.

Certamente o Template Wolf WP tem tudo isso e o custo benefício é o melhor do mercado atualmente.

Assim sendo, acesse e conheça o Tema Wolf WP . Tema e template são termos diferentes, porém quer dizer a mesma coisa. 🙂

Inegavelmente, o template é muito importante na hora de criar um blog profissional.

11 – Aparência do Blog Profissional

Certamente o conteúdo do seu blog é o que pesa na hora de saber  se o usuário irá consumir aqueles conteúdos ou não.

Porém, a aparência do seu blog também conta bastante.

Aparência não somente em termos de layout. Também no que o leitor irá encontrar quando acessar o seu blog pela primeira vez.

Isso também será primordial para a decisão do mesmo, de voltar ao seu blog ou não.

Criar um blog profissional vai muito além de, apenas, deixá-lo bonito. Ele precisa ser interessante e relevante.

  • Saiba Sobre o que Irá Escrever

Como já dissemos anteriormente, você precisa saber exatamente sobre o que e para quem vai escrever.

O usuário precisa ter a plena certeza que, quando voltar ao seu blog, irá encontrar assuntos relacionados ao que ele encontrou da primeira vez que acessou.

Isto é: sem que os assuntos estejam misturados e falando sobre “nada com coisa nenhuma”. Ok?

  • Blog Atualizado Sempre

Afinal, de nada adianta você escrever os artigos com frequência logo no início da criação do blog, e depois não postar mais nada.

Um artigo hoje e outro meses depois, será sinônimo de perda total de tempo e dinheiro.

A frequência faz com que mais e mais usuários procurem por seus conteúdos.

  • Responda aos Leitores

Semelhantemente ao ato de responder quando alguém lhe faz uma pergunta pessoalmente, os comentários que seus leitores deixam em seus artigos precisam ser respondidos.

Caso contrário, soará como descaso e falta de interesse de sua parte para com os seus leitores.

Eles consumiram seus conteúdos, tiveram dúvidas e te fizeram alguma pergunta. Portanto você precisa responder, como forma de educação e também, de sanar a dúvida daquela pessoa.

Isso também vale, mesmo que o comentário tenha sido somente para te elogiar.

Comentários precisam ser respondidos. Sempre.

  • Organize o Conteúdo

Se o seu blog for de assuntos variados, como um blog de culinária, por exemplo, ele precisa ser bem organizado.

Organize por categorias. Assim será bem mais fácil para o leitor encontrar o que estiver procurando.

Se ele entrar no seu blog e precisar gastar alguns minutos, que seja, até encontrar o que está procurando, certamente sairá do blog.

Ninguém gosta e nem tem paciência para ficar procurando por muito tempo, algo que foi na intenção de encontrar em segundos.

Este quesito também faz parte de como criar um blog profissional.

  • Não Faça SPAM

Infelizmente essa é uma prática comum entre algumas pessoas que se dizem profissionais da internet.

Normalmente isso acontece muito em comentários de blog. Pessoas que fazem seus comentários, porém ao final deixam seu link de afiliado.

No meu blog mesmo, já aconteceu. E isso não é nada profissional.

Ou então, disparam e-mails de listas compradas e começam a enviar para as pessoas que não pediram para receber aquele conteúdo.

Não só pelo incômodo, mas também por deixar a caixa de entrada lotada de lixo eletrônico.

Não seja mais uma dessas pessoas.

Construa seu negócio na internet da forma correta e ética. Como tem que ser.

Com toda a certeza, disparar links pra todo lado sem estratégia, sem comprometimento, não fará de você um profissional da internet.

Só servirá para mostrar que seu intuito é somente vender e não compartilhar conteúdos relevantes que ajude outras pessoas.

12 – Ferramentas Necessárias na Criação do Blog

Certamente algumas ferramentas de marketing são essenciais quando você cria um blog profissional.

Vamos a algumas das principais:

  • Google Analytics

O Google Analytics é uma ferramenta de monitoramento que você instala no seu site para acompanhar a movimentação, digamos assim, do seu blog.

Didaticamente falando, é através dessa ferramenta que você ficará sabendo quais páginas do seu blog foram mais acessadas, a localização dos usuários, quantas pessoas acessaram seu blog por dia, por mês, etc.

Fica sabendo de onde vieram esses usuários. Se foi das redes sociais, da sua lista de e-mail, diretamente das pesquisas no Google e muito mais.

  •  Google Alerts

O Google Alerts é uma ferramenta que vai te ajudar principalmente quando você tiver sem inspiração para produzir conteúdos.

Sem ideias de conteúdo. Você faz um cadastro simples e nas informações você menciona quais assuntos te interessam e que gostaria de receber.

Informa também, a frequência com que quer receber estes e-mails.

Uma vez passadas as informações, todas as vezes que o Google Alerts receber algum artigo publicado em alguma revista ou até mesmo de sites da internet, você receberá um e-mail avisando.

Assim, poderá utilizar aquele artigo para se inspirar e produzir um conteúdo.

Veja bem, eu disse “se inspirar” e não “copiar”.

Assim, já começa a criar os conteúdos para o seu blog profissional.

  • Template Profissional e Responsivo

Anteriormente, abordamos esse tópico. Porém reforço a importância desta ferramenta para o blog.

  • Plugins Essenciais

1- O plugin Yoast SEO é um dos primeiros que você precisa instalar e ativar no seu blog.

Em tempo real, ele te dá informações de como está o andamento do artigo que você está escrevendo.

Se é preciso fazer melhorias e onde fazer.

Em suma, te alerta sobre o que precisa ser melhorado no artigo.

2- Um plugin que bloqueia a cópia do seu conteúdo para que oportunistas não se apoderem do seu artigo e cole em seus próprios blogs como se fosse deles.

Esse plugin impede a função do botão direito do mouse, onde a pessoa seleciona o conteúdo, copia e cola no blog.

Eu utilizo no meu blog o Content Copy Protection.

Lembrando que plugins só podem ser instalados e ativados na plataforma WordPress.

3- Um plugin muito importante também, é o que personaliza sua URL.

Uma URL personalizada fica mais amigável e mais confiável também.

As pessoas não terão receio de clicar em seus links, uma vez que ele leva na extensão, o nome do seu blog.

Ao contrário de um link cheio de caracteres sem sentido.

As pessoas não clicam em links assim por medo de SPAM ou vírus no computador.

Eu utilizo e recomendo o plugin Pretty Link.

4- Identidade Visual

Considero também como uma ferramenta, pois a identidade visual é a sua marca na internet.

É através dela que as pessoas passarão a conhecer o seu projeto.

Estudos comprovam que as pessoas costumam memorizar mais uma imagem do que um nome.

Portanto, escolha as cores e a logomarca do seu projeto de forma que se adeque ao que você quer passar para as pessoas quando visualizarem aquela imagem.

Uma vez criada a identidade visual, procure não ficar modificando.

Certamente ficará mais difícil as pessoas lembrarem dela se você mudar o tempo todo.

13 – Serviço de e-mail Marketing

Criar um blog profissional e não instalar um serviço de e-mail marketing é o mesmo que não querer escalar seu negócio online.

Por que o e-mail marketing é tão importante?

É  através dele que você disponibilizará suas recompensas digitais para sua audiência em troca do e-mail delas.

Ao passo que as pessoas, de livre e espontânea vontade, deixam o e-mail em troca da sua recompensa digital, isso mostra que ela realmente está interessada no que você tem para oferecer.

Ao contrário das listas de e-mail compradas, as lista que você constrói por vontade dos potenciais clientes, é o que ajudar a alavancar suas vendas e seu negócio na internet.

Certamente as redes sociais não são nossas, só nos foram emprestadas, os seus contatos da lista de e-mail ninguém vai tirar de você.

Se a sua estrutura de negócio online conta com redes sociais, blog, lista de e-mail, ótimo.

Porém, se as redes sociais, por qualquer motivo, sair do ar, como aconteceu com o Orkut, vai te restar o que?

Os contatos que você captou nas suas lista de e-mail marketing. Seus clientes continuam ali.

Ou seja, um pilar ainda continua sustentando o seu negócio.

Sendo assim, não deixe de utilizar o e-mail marketing nas suas estratégias de negócio.

 

Leia mais neste artigo sobre e-mail marketing. 

14 – Páginas Essenciais ao Criar um Blog Profissional

  • Política de Privacidade

Esta página deixa claro aos leitores que acessam o nosso blog, que tipo de informações pessoais recebemos quando eles estão lendo nossos posts.

Isso faz com que se sintam mais seguros ao navegar pelo blog.

  • Lei GDPR ( Lei Geral de Proteção de Dados)

Esta lei européia entrou em vigor no mês de maio/2018 e seu objetivo é proteger todos os cidadãos da União Europeia contra a violação de privacidade e dados.

Para isso, é preciso que seja instalado no seu blog um plugin contendo as informações sobre esta lei.

Ao criar o seu blog profissional, este plugin precisa ser um dos primeiros a ser instalados.

  • Sessão Sobre o Autor

Nesta página você compartilha com os usuários do blog, um pouco da sua história. Como começou aquele projeto, porque começou, o que te levou a fazer determinada coisa, enfim.

Normalmente as pessoas gostam de histórias. E certamente alguém acaba se identificando com você por conta disso.

As histórias, ou storytelling, costumam aproximar as pessoas. Desde que verdadeiras, é claro.

Conte resumidamente sua história.

  • Página de Contato

Esta página serve para que o usuário te mande uma mensagem mais aprofundada sobre alguma dúvida ou esclarecimento.

Nesta página o leitor informa seus dados e envia para você.

Também é de extrema importância criar uma página de contatos para disponibilizar no blog.

Assim, os usuários sentem mais confiança em te perguntar algo. E também passa a credibilidade do seu blog.

15 – Criar um Blog Profissional Consiste em  Conteúdos Autênticos e Originais

Embora criar conteúdos não seja uma tarefa muito fácil, o que está definitivamente fora de cogitação, é você sequer pensar em copiar conteúdos de outros blogs.

Além de ser considerado plágio, é de extrema falta de comprometimento com sua futura audiência e com você mesmo.

Uma vez que já começa seu blog com conteúdos que não são seus.

Quando falamos em conteúdos autênticos e originais são aqueles em que você mesmo produz.

Com suas próprias palavras e ideias.

Certamente que você pode ler conteúdos de outros blogs do mesmo nicho que o seu, a fim de se inspirar na produção de seus próprios conteúdos.

Isso é perfeitamente normal.

A exemplo de um blog do nicho de Marketing Digital, a maioria dos assuntos são os mesmos.

Portanto, você pode perfeitamente acompanhar esses blogs e tirar de lá algum tipo de informação que seja interessante para sua audiência.

Entretanto, quando você fala do mesmo assunto, porém com palavras diferentes, com as suas palavras, isso não é plágio.

Não é considerado cópia.

Ao contrário de simplesmente você dar um “Ctrl C Ctrl V” e copiar exatamente igual para o seu blog e exibir como se o conteúdo fosse seu.

Portanto, gere conteúdos autênticos. Procure não ser o mais do mesmo.

Dependendo do nicho escolhido, existem vários tópicos a serem abordados.

Não é preciso que você escreva exatamente as mesmas coisas.

Autenticidade e originalidade geram credibilidade!

Principalmente quando se pensa em criar um blog profissional.

16 – Utilize Imagens Gratuitas e Sem Direitos Autorais ao Criar um Blog Profissional

Ao contrário do que a maioria das pessoas pensa, nem tudo que está na internet pode ser utilizado.

Isso vale principalmente para imagens e fotos.

Procure utilizar esses materiais livres de direitos autorais e de imagem.

Caso contrário, poderá lhe gerar problemas.

A menos que você dê os devidos créditos da imagem  ao dono.

Porém, evite ao máximo. Vou deixar aqui alguns bancos de imagens gratuitas e livres de direitos.

Seja como for, consulte antes de compartilhar a imagem, pois pode haver mudança por parte do site.

  1. Pixabay
  2. Pexels.com
  3. Freepik.com
  4. Unsplash
  5. PicJumbo
  6. Ivorymix.com
  7. Kaboompics

Essas são as que, particularmente, mais utilizo.

17 – Promova seu Blog Profissional e Monetize o Mesmo

Por fim, porém não menos importante, você precisa promover, divulgar o seu blog profissional.

Isso pode ser feito tanto no tráfego orgânico quanto no pago.

Criar um blog profissional não é tão complexo, porém um blog sem tráfego não te servirá para nada.

Porém, há algumas considerações.

Quando você opta pelo tráfego orgânico, precisa ter em mente que pode demorar um pouco mais para que usuários encontrem seu blog.

Porém, se você trabalhar constantemente a divulgação, esse tempo poderá diminuir.

Em primeiro lugar, uma das plataformas essenciais para gerar tráfego para o seu blog é o Pinterest.

Veja a quantidade de acessos em um dos artigos deste blog, com um único Pin.

como-criar-um-blog-profissional-tudo-que-voce-precisa-saber

Por experiência própria, posso afirmar isso.

Contudo, além do Pinterest, divulgue em suas redes sociais também.

Gere artigos e compartilhe em suas redes sociais para que as pessoas possam ir até o blog.

O YouTube também é uma excelente forma de divulgação.

Em segundo lugar, opte por tráfego pago.

Aconselho estudar e entender como funciona o tráfego pago, antes de começar com seus anúncios.

Seja no Google Ads ou no Facebook Ads.

Certamente, o tráfego pago lhe trará tráfego muito mais rápido enquanto suas campanhas estiverem rodando e você pagando por elas.

Em contrapartida, uma vez finalizadas, as mesmas param de rodar e automaticamente o tráfego para também.

Em suma, em se tratando de blog, negócio online, tráfego, etc, tudo precisa ser testado.

Conclusão de Como Criar um Blog Profissional

O artigo pode ter ficado um pouco extenso, porém essas informações são de suma importância para quem pretende criar um blog profissional.

Todos esses tópicos serão necessários para que seu blog fique realmente útil e atraente para seus usuários.

Um blog, para que seja rentável, precisa ser pensado a médio e longo prazo.

Portanto, se sua intenção é ter um blog profissional, comece o quanto antes.

Uma vez criado, com artigos postados, páginas criadas, enfim, você pode pedir parceria ao Google AdSense para que seu blog comece a exibir anúncios.

E se esta parceria for aceita, você começará a monetizar seu blog através dos anúncios que serão veiculados em seu blog.

Os artigos abaixo, irão te ajudar quando chegar a hora de solicitar parceria com o Google AdSense.

 

Blog Reprovado pelo Google AdSense – Por que Isso Acontece?

 

Google AdSense – Como Ter seu Blog Aprovado pelo Google AdSense

 

 

Gostou do artigo? Então deixe um comentário. 🙂

Agradeço pela companhia e até o próximo artigo! 😉

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Sobre o Autor

Bete Lopes
Bete Lopes

"Oi! Sou a Elisabete Lopes. Sempre trabalhei no mundo corporativo. Fora do mercado de trabalho, encontrei no Empreendedorismo Digital minha forma de trabalhar em casa. Compartilho conteúdos relacionados a Blog, Marketing Digital, Marketing de Afiliados e ideias de trabalho em casa. Compartilho tudo isso com pessoas que buscam, assim como eu, liberdade para trabalhar no que quiser. Um abraço!"

5 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


  1. Quando se cria um blog profissional. Se faz necessário aplicar técnicas de SEO (Seach Engine Optmization) Justamente para as buscas do google principalmente encontrar seu conteúdos. E entregar cada vez mais aos leitores.

  2. Parabéns pelo conteúdo , modo de explicar, …
    Tenho 58 anos , não sei absolutamente nada de digital, mas estou precisando desesperadamente aprender para poder ter essa liberdade geografica e financeira.
    Estou em um momento muitíssimo critico , tenho que aprender para ontem, e somente com contúdos iguais aos seus, bons e sem custo. Assim como eu devem ter muitos, eu só vim agradecer e lhe dizer um “Deus lhe pague” muito grata.

Este site usa cookies. Ao utilizá-lo, você concorda com a nossa  Política de Privacidade.

Don`t copy text!